segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Um passeio até Surubim/PE


Nem parece que há quase 5 anos eu morria de medo de subir numa moto. Quando andei pela primeira vez na garupa de Jey, me tremia toda e fiquei com torcicolo de tão tensa que eu estava. Hoje eu posso dizer que uma das melhores coisas da vida é uma viagem de moto. Sentir a estrada, o vento, a natureza, o mundo.

A oportunidade para um nova viagem aconteceu nesse final de semana. Surubim é uma cidade do interior de Pernambuco, fica a 120 km de Recife e é conhecida no Estado como a capital da vaquejada. Esse final de semana a cidade recebeu um encontro de moto clubes, desculpa mais do que aceita pra gente arrumar a mochila e pegar estrada. A viagem rendeu histórias. Foi uma das melhores que fizemos.

Primeiro os causos:

Geralmente nesses encontros de motociclistas há local para camping, então levamos nossas barracas para o caso de não encontrarmos uma pousada, éramos 5 pessoas  (não fizemos reserva porque decidimos ir menos de 24h antes). Chegando lá ficamos sabendo que o camping estava lotado e adivinhem, as pousadas também =/ Já estávamos nos conformando em dormir na praça, em baixo de alguma árvore - hahahahaha - quando os meninos encontraram um dos clientes da Recife Harley Davidson que, conversando com Jey, ficou sabendo do nosso triste destino sem teto. Gennnnte, ele nos ofereceu um apartamento para ficar. O cliente mora em Surubim e além de sua casa tem um ap vazio que nos serviu de pousada perfeitamente, imaginem nossa felicidade. Até o café da manhã nós ganhamos na casa do tal cliente, que fez questão de nos receber lá.

Mas claro que essa que vos fala não poderia deixar de pagar mico numa viagem tão bacaninha. Na noite em que chegamos encontramos vários clientes da Harley, bem normal em um evento desses. Um deles (que também mora em Surubim) nos convidou para comer uma pizza. Imaginem a fome de uma pessoa que almoçou às 12h e que às 0h ainda não tinha colocado nada no estômago além de um caldinho de peixe. Fomos todos para a pizzaria, fizemos o pedido e a pizza tava demorando um pouco para chegar, então a faminta aqui reclamou: "Poxa, tá demorando". Reclamei umas 5 vezes, acho. A esposa do rapaz que nos convidou comentou "apesar do restaurante não estar tão cheio, talvez tenha muito pedido para entrega" e depois o rapaz foi lá na cozinha olhar a posição que nosso pedido estava. Qual foi meu mico? Sabe esse rapaz? Ele é o dono do restaurante. E eu só fico sabendo disso depois que a gente recebe desconto na conta. Cadê um portal para o outro mundo para eu me esconder? =/

Agora as imagens:

Eu tentei tirar algumas fotos da estrada com meu celular, então não estão a maior perfeição, mas passa um pouco do que eu falei no inicio do poste, a sensação maravilhosa que é sentir a estrada. Algumas estão com filtros, vou destacar na legenda.

O HOG de sempre.


Parada para descansar a bunda e a alongar as pernas.


Praça de um engenho no meio da estrada. Chuva.

O pôr do sol não pode ter filtro, já é lindo demais assim.

Mais uma do pôr do sol, sem filtro também.






13 comentários:

  1. Eu me cortando de inveja em 3,2,1 ... cara que sonho, sair por ai vento à fora, deixando os cabelos esvoaçarem, sem ligar pra nada (a não ser com o transito, rs) que delicia mesmo - deve ser uma experiência e tanto, quem sabe qualquer dia desses não faço o mesmo, mas que seja de carro, ainda tenho um tanto de receio quanto a motos.

    ResponderExcluir
  2. Que saudade de andar de moto!! Meu pai foi piloto de motocross, entao praticamente nasci em cima de uma moto, né? Sempre na garupa do papai. Ele tambem ia muito nesses encontros de motociclistas no Rio.

    Moto tambem me da saudade de Bangkok. Quando eu morava la, pegava mototaxi direto. Eles sao uma loucura. 4 pessoas em uma moto. Tem gente que carrega até geladeira na moto. Saudade do burburinho thailand!

    bjs de Filipinas,
    Gabi Barbará
    Barbaridades!

    ResponderExcluir
  3. Eu preciso dizer aqui que tenho um medinho de moto. Mas acho que é porque conheço tanta gente que já sofreu acidentes... Alguns terríveis. Aí fico sempre com o pé atrás. Mas imagino que a sensação de viajar de moto deve ser indescritível. E que pôr do sol maravilhoso!

    ResponderExcluir
  4. Nossa que máximo!! Morro de medo de moto mas deve ser tão gostoso viajar assim... :)


    www.missblackdiamond.wordpress.com

    ResponderExcluir
  5. Aaaai que delicia andar de moto!! Apesar que só ando na garupa dos outros, não tenho coragem de pilotar uma moto hahahahahaha só aquelas de criança mesmo hauhaua

    Hahahaha dei risada do seu mico, também sou cheia de dar bola fora, mas é história pra contar! rs
    Beijos!

    http://oapanhadordesonhosstore.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. que imagens fantásticas, imagino o quão bom deve ter sido a experiência. um momento inesquecível, sem dúvida!

    http://ummarderecordacoes.blogs.sapo.pt/

    ps comecei a seguir-te no instagram :)

    ResponderExcluir
  7. Nossa, que pôr de sol lindo! Realmente nem precisa de filtro, haha! Eu já andei de moto 2x. Uma foi com o pai da minha amiga, fomos buscar o boletim na escola e eu fui na garupa, só não lembro se ela foi comigo ou ele levou primeiro ela pra depois me levar, só sei que foi rapidinho e, sim, da friozinho na barriga. E a segunda vez foi com a minha amiga, quando eu fui na farmácia fazer o segundo furo da orelha, também deu friozinho na barriga. Até porque é tipo bicicleta, só que em velocidade maior e você fica tão perto do chão que da um medo com uma sensação de liberdade também, tudo junto. Adorei o post!

    Bitocas!
    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
  8. Belas imagens e é sempre assim em qualquer viagem: micos fazem parte Rs. Enfim, tenho que dizer que não sei se gostaria de aprender a andar de moto, muito menos viajar de moto, mas admiro a coragem de quem o faz.

    Thoughts-little-princess.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Ai, meu sonho: ir num encontro de moto... de moto! Todas as vezes que fui, ia só nos eventos (que já amo).

    Tô aqui imaginando o mico... hahaha! Eu também ficaria morta de vergonha, e já aconteceu coisas parecidas comigo xD

    Um beijo,
    Re

    ResponderExcluir
  10. adorei as fotografias, e eu morro de medo de andar de moto, só andei uma vez e miiiicaaaa rsrs . e eu sei como é pagar esse micos, sou desses também. Semestre passado teve uma palestra com a galera da harley lá na faculdade, tu conhece cachorrão?


    Abraços, Edwin.
    www.oquefaltou.com|Facebook|Twitter|Instagram

    ResponderExcluir
  11. Que fotos lindas!
    Micos? Somos duas. Nem comento, certos comentários que eu falo, e cada dia eu tenho mais certeza de que devia vender zíper pra boca, eu usaria o tempo inteiro xD
    Que cara bacana ceder o apt, vendo a dificuldade de vocês. Muito gente fina.

    Beijos!

    ResponderExcluir

Obrigada pelo seu comentário!