quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Brave

Sinopse: A jovem princesa Merida foi criada pela mãe para ser a sucessora perfeita ao cargo de rainha, seguindo a etiqueta e os costumes do reino. Mas a garota dos cabelos rebeldes não tem a menor vocação para esta vida traçada, preferindo cavalgar pelas planícies selvagens da Escócia e praticar o seu esporte favorito, o tiro ao arco. Quando uma competição é organizada contra a sua vontade, para escolher seu futuro marido, Merida decide recorrer à ajuda de uma bruxa, a quem pede que sua mãe mude. Mas quando o feitiço surte efeito, a transformação da rainha não é exatamente o que Merida imaginava... Agora caberá à jovem ajudar a sua mãe e impedir que o reino entre em guerra com os povos vizinhos. (Adoro Cinema)

Definitivamente, Merida não nasceu para seguir regras e etiquetas. Diferente de todas as outras princesas da Disney, ela veio para quebrar de vez a ideia de que as mulheres precisam ser frágeis, submisas e viver a espera do príncipe encantado. Já estava na hora de alguém tirar essa idéia da cabeça das garotinhas, né? Embora eu acredite que isso já vinha ganhando destaque com a Fiona, de Shrek, mas o filme não era da Disney (dono de todas as princesas da terra, cof cof) e sim da DreamWorks Animation. 

E olhem só, não é que mesmo ela sendo durona, teimosa, dona de si, corajosa, aventureira ela é uma fofa? Amei os cabelos ruivos, cacheados e soltos ao vento. Adorei o tema da história e todos os efeitos, a animação é muito engraçada e muito bem produzida. Sem falar na trilha sonora. 
Entrou para a lista das minhas animações favoritas.

(Editado) Esqueci de falar do que mais me chamou atenção do filme inteiro: o sotaque escocês. Achei isso fantástico. Foi realmente uma preocupação incrível e que fez toda a diferença.(Editado)

Navegando pela internet, a procura de imagens para esse poste, encontrei alguns desenhos inspirados no filme. Não sei os nomes dos autores (e nem procurei saber, na verdade) e os desenhos são lindos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário!